Posts Tagged ‘Office 365’

Microsoft doará Office 365 a 4 milhões de estudantes em SP


A Microsoft e a Secretaria da Educação do Estado de SP fecharam uma parceria para fornecimento do Office 365 para os estudantes da rede estadual de ensino gratuitamente. A empresa pretende ceder o acesso à sua suíte de aplicativos de produtividade em nuvens a 4 milhões de alunos.Segundo a Microsoft, a iniciativa, parte do programa Student Advantage, deverá representar um investimento de R$ 2 bilhões nos alunos brasileiros, baseado no custo da assinatura do Office 365 por pessoa.

O programa Student Advantage beneficiará instituições que já possuem um contrato de licenciamento Office 365 ProPlus ou o Office Professional Plus para funcionários e professores, como é o caso da SEESP.

Os alunos elegíveis para receber o benefício terão acesso à versão completa do Office 365 ProPlus. O pacote permite a instalação em cinco dispositivos diferentes, entre os quais estão englobados computadores, laptops, tablets e smartphones.

O pacote em questão inclui aplicativos do tradicional pacote Office, como Word, PowerPoint, Excel, OneNote e Outlook. A distribuição será feita nas próprias escolas e deverá começar a partir do primeiro semestre de 2014.

Anúncios

Office ganha adaptação para tablets

Suíte de programas ganha adaptação para telas sensíveis ao toque e apoio de sistema de arquivamento na nuvem

ballmer

A Microsoft anunciou nesta segunda-feira (16/07) o mais novo pacote Office, que chega a sua versão de número 15. Em um evento em São Francisco (Estados Unidos), Steve Ballmer, CEO da empresa, mostrou algumas das novas características do produto, cuja versão para testes já pode ser baixada gratuitamente no site da companhia. Criado em 1989 e padrão desde então, a suíte ganha uma necessária atualização para o século 21. As principais novidades são a adaptação dos softwares ao toque dos dedos e a ênfase no arquivamento na nuvem, o que facilitará o acesso a documentos em múltiplas plataformas. O novo pacote Office pega emprestado algumas das características do Windows 8, como a interface Metro, tornando o produto mais limpo e intuitivo. Os programas – Word, PowerPoint, Excel, OneNote, InfoPath Designer, InfoPath Filler, Publisher, Lync, Access e Outlook – poderão ser controlados não apenas pelos tradicionais mouse e teclado, mas foram adaptados para funcionar também em superfícies touchscreen e com o auxílio de uma caneta stylus.

É possível, por exemplo, escrever um e-mail com sua stylus – como a que a Microsoft lançará com o tablet Surface –, converter automaticamente a escrita em texto digitado e enviá-la como e-mail, em alguns poucos toques. A stylus também poderá ser usada como uma caneta laser em apresentações no Power Point, com extras como o que permitirá dar zoom em áreas específicas dos slides.

O Office 15 está todo apoiado no arquivamento em nuvem e no sistema SkyDrive. “Estamos em uma transição de negócio, fazendo do Office um serviço da nuvem”, disse Kirk Koenigsbauer, vice-presidente corporativo da divisão Office da Microsoft. A partir de agora, o sistema de cloud computing arquivará automaticamente todos os documentos produzidos no Office, o que facilitará a sincronização de trabalhos entre máquinas distintas, como PCs e tablets.

A intenção da Microsoft é tornar o Office um produto multiplaforma e multiuso, apagando a imagem exclusivamente executiva que o produto adquiriu nos últimos anos.

O Word também ganha uma série de reparos, como o que possibilitará, finalmente, a abertura e a edição rápida de arquivos em PDF.  Elementos multimídia como vídeos do YouTube também ganham destaque no programa de escrita, que escurecerá toda a tela ao mostrar um preview, bastando um clique fora do campo de exibição para confirmar a inserção do vídeo e para continuar a edição.

Outras novidades são o PeopleCard – um sistema que permitirá que a pessoa veja, de dentro do Office, atualizações de status do Facebook, do LinkedIn e informações de contato dos seus contatos – e a integração da suíte com o Skype, cujos contatos poderão ser adicionados ao Lync. Além disso, quem comprar o novo pacote Office ganha uma hora por mês de conversas no programa de voz sobre IP.

A Microsoft ainda não divulgou informações como preço ou data de lançamento oficial do novo produto. A suíte será dividida nas categorias caseira, escolar e executiva, mas pela primeira vez a Microsoft ampliará o espectro do programa Office 365 – que, por uma taxa fixa mensal ou anual, permite o download das versões mais recentes do Office em qualquer dispositivo, assim como a atualização gratuita de qualquer máquina que já conte com versões passadas dos softwares.

Para fazer o teste no Office 365, clique aqui.

Depois de cinco meses, Microsoft traz Office 365, na nuvem, ao Brasil

A Microsoft anunciou nesta terça-feira (08/11) a chegada do Office 365 – pacote de produção da companhia baseado na tecnologia de cloud computing – ao Brasil. O produto chega depois de aproximadamente cinco meses do lançamento no exterior. O pacote  já está disponível no mesmo dia, conforme informações passadas em coletiva de imprensa realizada em São Paulo.

 

Todo em português, o Office 365 inclui as últimas versões do Office, SharePoint Online, Exchange Online e o Lync Online. Os planos são a partir de US$ 6 por usuário por mês para pequenas e médias empresas. No caso de companhias de maior porte, a cobrança mensal varia de US$ 2 a US$ 27 por usuário, conforme o número de aplicações contratadas.

Clientes podem se valer do pacote pelo período de 30 dias gratuitamente, mediante o cadastro no site www.office365.com.br

Microsoft anuncia Windows Phone e Office 365 no Brasil

Michel Levy, presidente da Microsoft Brasil

Michel Levy, presidente da Microsoft Brasil

 

O Windows Phone e o Office 365 estarão disponíveis no Brasil em poucas semanas, afirmou Michel Levy, presidente da Microsoft no País, durante a abertura do TechEd, maior evento técnico realizado pela companhia, que ocorre em São Paulo nestas quinta-feira (29/09) e sexta-feira (30/09).

Segundo Levy, o Windows Phone chegará “ainda neste semestre” com o Market Place em português e com acesso às mais diversas aplicações.

O Office 365, pacote da companhia na nuvem, deve chegar nas próximas semanas com ferramentas de e-mail, colaboração, entre outras. De acordo com Levy, a mesma tecnologia estará disponível para pequenas, médias e grandes empresas. O objetivo seria massificar o uso da TI no Brasil.

Para finalizar, ele falou sobre a fabricação do Xbox no Brasil e sobre a chegada do console a “preços acessíveis” – ele não deu valores exatos. Ele será produzido na Zona Franca de Manaus pela Flextronics, parceira da Microsoft que já fabrica o videogame na China. Em comunicado enviado anteriormente a imprensa, a empresa afirmou que o valor pode cair até 40%.

Office 365: 5 fatores que atraíram uma empresa

A Hendrick Automotive escolheu o Office 365 em vez do Google Apps e outras alternativas. O diretor de TI explica porquê

O Grupo Hendrick Automotive, early adopter do Office 365, não espera reduzir gastos ao optar pela nova oferta de software-como-serviço da Microsoft. Robert Taylor, diretor de TI da vendedora de automóveis, disse que sua equipe de TI já roda o ambiente de software da forma “mais barata possível”.

Mas para o departamento de TI da Hendrick Auto, que suporta 4,5 mil usuários, em 72 lojas, em 12 estados norte-americanos, foram outros motivos que levaram à troca pelo Office 365. A empresa já tinha iniciado uma jornada com o BPOS (Business Productivity Online Suite), também da Microsoft, mas decidiu mudar para o Office 365. Em uma entrevista para a InformationWeek EUA, durante o lançamento do Office 365, em Nova York, Taylor deu alguns motivos que justificaram sua escolha:

– Mensagens Unificadas: a habilidade do Office 365 de integrar mensagens de voz com e-mail, calendário e contatos é uma função essencial para os funcionários de campo da Hendrick. A empresa já oferece essa habilidade com os servidores locais Exchange, e o fato de que o BPOS não oferecia o mesmo suporte foi crucial. Agora, a empresa não precisa se preocupar com essa funcionalidade ao utilizar a nuvem.

– Conexão única: a habilidade do Office 365 de sincronizar com o Microsoflt Active Directory oferece melhor experiência de usuário, de acordo com Taylor. Entre outras coisas, isso significa que o usuário poderá se conectar usando as credenciais já existentes, sem a necessidade de novas senhas.

– Colaboração externa: a Hendrick já utiliza o Office Communications Servers para suporte de colaboração interna via áudio, vídeo e conferência web. O Office 365 abre possibilidades de criar o mesmo tipo de reunião com parceiros, fornecedores e clientes. A suíte utiliza o Lync Online, que permite reuniões online, chamadas vídeo e mais. “Acreditamos que teremos vantagem com isso”, avalia o gestor de TI.

– Experiência de usuário familiar: a Hendrick considerou o Google Apps, mas não optou por ele. Os funcionários da empresa têm “anos de experiência” com os softwares da Microsoft e mudar causaria uma “mudança filosófica” e uma curva de aprendizado. “Seria uma maneira muito diferente de usar aplicativos críticos à empresa”, disse Taylor. “No final das contas, acabaríamos nos estressando.”

– Fazendo mais com menos: na Hendrick, 13 profissionais de TI suportam 4,5 mil usuários, como coloca Taylor, “seis dias e meio durante a semana”. Como acontece na maioria dos negócios, a demanda tende a crescer mais rápido do que o orçamento de TI. O Office 365 promete aliviar um pouco da tensão porque a Microsoft deve hospedar serviços (Exchange, SharePoint e Lync) que a empresa gerenciava em seus próprios servidores. No processo, Taylor espera desativar 15% dos servidores internos da Hendrick Auto.

A vendedora de automóveis ainda está no início do processo de implantação do Office 365 e a transação pode levar até 18 meses. Embora muitas das vantagens venham apenas depois da implantação completa, Taylor espera que a equipe de TI da empresa tenha melhores condições de oferecer suporte ao negócio. “Gerenciar servidores de e-mail e SharePoint não agrega valor ao nosso negócio”, disse, “Esperamos que a Microsoft possa fazê-lo muito melhor do que fizemos.”