Posts Tagged ‘navegadores’

Conheça 5 navegadores alternativos


Está cansado dos mesmos browsers? Fomos atrás de algumas dicas para você, que não se entende com os maiores do mercado, como Chrome, Firefox, Safari e Internet Explorer, ou simplesmente gosta de experimentar coisa nova. Se você estiver disposto testar novos navegadores, confira abaixo algumas recomendações:

1) SeaMonkey

Reprodução

Apesar de o Firefox já estar em sua versão número 29, muitos sentem falta do antigo Mozilla Suite, que misturava Firefox, Thunderbird e um servidor de IRC. Na verdade, ele renasceu sob o nome de SeaMonkey (Fire-Fox, Thunder-Bird, e Sea-Monkey, entendeu?). Como é criado com o código dos outros programas da Mozilla, ele é seguro e compatível com boa parte dos mesmos plugins, além de se mostrar um bom programa de e-mails. Não vai agradar todo mundo, mas é uma alternativa interessante.

2) Baidu Spark

Reprodução

O navegador Spark, da chinesa Baidu, tem a vantagem de possuir funções comumente encontradas apenas em plugins e add-ons para outros navegadores: gerenciamento de torrents, download de vídeos do Youtube e navegação por gestos. Este último, principalmente, é um recurso difícil de se acostumar, mas o navegador vale a pena pela versatilidade.

3) Avant Browser

Reprodução

O Avant tem apenas um objetivo: fazer com que as páginas da internet funcionem. Se você tem mais de um navegador instalado simplesmente para rodar as páginas que não funcionam no seu favorito, considere seus problemas resolvidos. O Avant permite trocar, com um clique, o sistema de renderização da página, entre eles Firefox, Chrome e IE, sendo este último o único navegador que pode rodar todas as páginas plenamente.

4) Opera

Reprodução

O Opera é consideravelmente mais conhecido do que os outros, e famoso por sua inovação. Muitas funções importantes presentes em outros navegadores nasceram com ele, entre elas a “speed dial” (tela inicial com os sites mais visitados pelo usuário) e a compactação de páginas, que comprime as páginas para que sejam carregadas mais rapidamente.

5) Tor

Reprodução

O Tor – que leva à Deep Web – não tem a menor intenção de ser bonito ou fácil de usar, mas se preocupa com a tão desejada privacidade. Por meio da encriptação de links, o Tor impossibilita o rastreamento do computador, sendo indicado para qualquer pessoa que tenha medo de espionagem, seja ela por parte do governo ou de hackers.

Anúncios

Chrome deixa o IE definitivamente para trás

Navegador do Google aumenta vantagem em relação ao concorrente da Microsoft

Google Chrome

Desde que deixou o Internet Explorer para trás, em maio, o Chrome não parou mais de crescer. Na época, o navegador do Google bateu o da Microsoft ao alcançar 32.43% de participação de mercado contra 32.12% do rival. Agora, a briga já está em 33.81% a 32.04%.

Os dados são da StatCounter e levam em conta o uso dos browsers no mundo inteiro. Na medição de junho, os dois ainda apareciam em uma disputa acirrada, de 32.76% para o Chrome contra 32.31% do IE.

O Firefox, da Fundação Mozilla, era o segundo colocado até novembro de 2011, quando tinha 25.23% e foi passado pelos 25.69% do Chrome. Desde então, o navegador se manteve estável, ficando agora com 23.73%.

Na sequência, mas bem longe, estão o Safari, da Apple, com 7.12% de participação, e o Opera, com 1.72%.

Chrome supera Firefox, diz StatCounter

O Chrome superou o Firefox, de acordo com um relatório divulgado pela StatCounter. De acordo com a empresa de pesquisas Google Chrome ficou com 25,47%, Firefox com 25,27%, Safari com 5,91% e o Opera com 1,81%. O Internet Explorer continua líder com uma quota de mercado de 40,7%.

No mês de maio o Firefox era o segundo navegador do mercado com 29,29% dos usuários, o Chrome estava em terceiro lugar (com 19,36%), e sua taxa de crescimento foi semelhante à taxa de queda sofrida pelo Firefox.

Com apenas 3 anos de idade, o Google Chrome tem muito que comemorar em 2011, tendo começado o ano com uma quota de mercado de 15,6% dos usuários, alcançando atualmente o segundo lugar com 25,47%.

 

Próximas versões do Ubuntu podem trazer Chrome como navegador padrão

Canonical considera trocar Firefox, atual browser do sistema, pelo Chrome em futuras atualizações.

Ubuntu 11.04

O Chrome, navegador do Google, pode substituir o Firefox e se tornar o browser padrão das futuras distribuições do Ubuntu, de acordo com o fundador da Canonical, Mark Shuttleworth.

A fundação considerou usar o Chrome como browser padrão da última versão do sistema operacional, mas preferiu manter o Firefox até a futura versão 11.10. Para as próximas atualizações, porém, o navegador do Google pode voltar a ser considerado.

O Chrome é considerado o navegador mais rápido em Linux, apesar do Firefox ser o padrão já há algum tempo.

Chrome IE: use o Internet Explorer dentro do Google Chrome

Extensão gratuita do Google Chrome permite alternância entre navegadores e facilita a vida de desenvolvedores

Chrome IE
.
Já pensou num Chrome com motor de Internet Explorer? Na loja virtual do Google Chrome, pelo menos, tem um aplicativo que permite ao usuário fazer essa troca de forma gratuita.

O Chrome IE é uma extensão de Google Chrome de fácil instalação e configuração. Para começar a usar, basta fazer o download e permiti-la no navegador. Depois disso, um novo botão será incluido ao browser, dando a opção de alternância automática e manual.

Esta é uma ótima extensão para desenvolvedores e usuários comuns, cansados de abrir vários sites incompatíveis em outros browsers e testar aplicativos em diversas plataformas.

Clique aqui para fazer download do Chrome IE.

Preparem-se, vem aí o Internet Explorer 10!

Aproveitando o sucesso do Internet Explorer 9, a Microsoft correu e liberou uma versão preliminar do IE10, ainda sem previsão para o lançamento oficial.

A Microsoft apresentou o Internet Explorer 10 na Conferência MIX11, em Las Vegas, utilizando vídeo HTML5, gradiente CSS3 e transformações 3D, show de bola. Segundo a Microsoft, o IE10 dará sequência ao trabalho iniciado com a versão 9 do seu navegador e continuará dando suporte ao HTML5 nativo, o que faz com que o usuário tire maior proveito do sistema operacional e da aceleração de hardware.

Além do foco no HTML5, o Internet Explorer 10 dará uma atenção especial às especificações críticas da web e aos efeitos visuais. Também terá aceleração gráfica e suporte a recursos CSS3.

A versão preliminar do Internet Explorer 10 está disponível no site TestDrive.

Com informações de PCWorld