Governo dos EUA sugere que Huawei e ZTE saiam do país

Empresas são suspeitas de espionagem

China

O governo norte-americano quer as duas maiores empresas de telefonia da China longe de seu país, com medo de que a Huawei e a ZTE trabalhem como espiãs dos asiáticos. É o que revela o esboço de um documento a ser divulgado nesta segunda-feira, 8, pelo Comitê de Inteligência da Câmara dos Deputados dos EUA.

O texto, adiantado pela Reuters, mostra que os departamentos de inteligência estão atentos ao crescimento das duas companhias nos EUA e pretendem informar ao setor privado sobre as suspeitas de espionagem – que resultam de uma investigação de 11 meses.

A Huawei é a segunda maior fabricante de roteadores e equipamentos de telefonia, em termos de receita, perdendo apenas para a Ericsson – já a ZTE aparece em quinto. No setor de telefonia móvel, a ZTE é a quarta e a Huawei, a sexta.

Os Estados Unidos são um mercado importante para ambas, representando 4% das vendas da Huawei e algo entre 2% e 3% da ZTE. A maior parte das vendas é feita por meio das operadoras locais, como Verizon, T-Mobile e Sprint.

Autoridades norte-americanas de inteligência denunciaram publicamente a China como país mais ativo do mundo da espionagem económica contra os Estados Unidos. E há casos que corroboram as suspeitas, como o da Cisco, que encerrou contratos com a ZTE após investigação interna concluir que a chinesa estava vendendo suas tecnologias ao Irã.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: